Músicas

Fragata

Rafael Figueiredo


Voa longe fragata
Carrega ligeiro, o sonho do mar
Sonho ser passageiro
Encosta e veleiro
Na sede de andar
Acalma meu passo apressado
E o peito cansado
De tanto apressar

Não há sombra do mar
Nem vestígios de andar
Se a pegada do chão
A maré levou

Se pouso perto fragata
Escudo e escombro
Sem medo do mar
Visto vestígio e avisto
Ajusto ao confronto
Sombras de outros vãos
Se toda poesia esconde
O verso exposto
É o rosto de Deus



Cadastre-se para receber dicas, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "203909" no campo.